Categorias: Notícias

Rua Gastronômica: o novo espaço de degustação em São Cristóvão

Além de proporcionar uma experiência culinária única, a iniciativa estimula o turismo na cidade e promove a cultura gastronômica da região

Publicação: 29/04/2024

Mesas ao ar livre ao longo da rua ‘convidam’ os visitantes para saborear delícias típicas

Imagine um ambiente acolhedor, que agrega diversos restaurantes de uma cidade. Nesse espaço, mesas ao ar livre distribuídas ao longo da rua ‘convidam’ os visitantes a saborear delícias típicas e a ouvir música ao vivo. Esse ambiente existe e fica na Rua Ivo do Prado, em São Cristóvão, a quarta cidade mais antiga do Brasil, distante 25 quilômetros de Aracaju. Ali, de sexta a domingo, das 18h às 23h, o logradouro se transforma na Rua Gastronômica, a primeira via no estado exclusivamente com esse objetivo.

Inaugurado no dia 19 de abril deste ano, o espaço agrega, em um só lugar, a rica gastronomia da ‘Cidade Mãe de Sergipe’. Aliás, é importante ressaltar que a variedade de opções disponíveis celebram, também, a herança culinária da região, proporcionando uma experiência única. Desse modo, a iniciativa recém-apresentada deve atrair não apenas moradores da cidade, mas, também, muitos turistas.

Apresentação artística do grupo Caceteiras do Mestre Rindu

Destaque-se que, na Rua Gastronômica, estão muitas referências dos sabores de São Cristóvão, a exemplo das famosas queijadinhas, que se tornaram Patrimônio Cultural e Imaterial de Sergipe. Há, também, bricelets, licores artesanais, petiscos, lanches rápidos, como sanduíches e pizzas, entre outros. Além disso, é possível degustar os sabores tradicionais da culinária nordestina, a exemplo de pratos à base de carne de sol. E mais: os clientes ainda podem usufruir de boa música com artistas locais. Na inauguração, por exemplo, houve as apresentações do grupo Caceteiras do Mestre Rindu e do saxofonista Alejandro Habib.

Idealizador do projeto da primeira rua gastronômica do estado, o empresário Elder Correia enfatiza que a execução da ideia contou com o apoio de outros empresários locais que, como ele, também têm estabelecimentos naquela rua. De acordo com ele, o espaço se torna muito mais do que um local para desfrutar de uma boa refeição, porque proporciona uma experiência culinária única. “Na Rua Gastronômica, há uma variedade de cardápios e, sobretudo, o espaço estimula o turismo na cidade, promovendo a cultura gastronômica da região e fortalecendo, assim, a economia do município. Todos os finais de semana, teremos apresentação de artistas locais e, uma vez por mês, o Banco do Nordeste, que nos apoia, vai promover uma apresentação artístico-cultural na programação”, frisou.

 

Fotos: Divulgação